Topo
Blog Todos a Bordo

Blog Todos a Bordo

Veja as regras de bagagem para voos internacionais de 27 companhias aéreas

Vinícius Casagrande

13/11/2018 04h00

Regras de bagagem em voos internacionais variam de acordo com a companhia aérea (Pedro França-Agência Senado)

Desde que a Anac (Agência Nacional de Aviação Civil) liberou cobrar pelo despacho de bagagem, em meados do ano passado, cada empresa aérea passou a adotar um critério diferente. As quatro companhias brasileiras já cobram pelo transporte de malas nos voos nacionais. Nos voos internacionais, cada empresa adota sua própria regra, com diferenças, inclusive, de acordo com a rota.

A maioria das companhias que fazem voos de longa distância para Estados Unidos e Europa continua permitindo o despacho de bagagem sem custo adicional. Na maior parte dos casos, no entanto, o limite máximo foi reduzido de duas malas de até 32 kg para duas malas de até 23 kg. São 18 kg a menos por passageiro.

Leia também:

Nos voos para os Estados Unidos, apenas a Gol cobra pelo despacho de bagagem na sua tarifa mais baixa.

Nos voos para a Europa, Iberia, Air Europa e TAP cobram pelo transporte de malas caso o passageiro compre o bilhete mais barato disponível. O preço para despachar uma bagagem pode chegar a cem euros (cerca de R$ 422) no caso da Air Europa.

Nos voos para a América do Sul, o despacho de bagagem é cobrado por Latam, Gol e Azul. Na Avianca, Aerolíneas Argentinas e Copa Airlines, o passageiro pode levar gratuitamente apenas uma mala de até 23 kg. As companhias europeias e do Oriente Médio que fazem voos do Brasil para outras cidades sul-americanas permitem duas malas de até 23 kg, mesmo limite dos voos longos.

Atenção na hora da compra

Na hora de comprar uma passagem, é importante ficar atento às regras de bagagem para a tarifa escolhida. Caso precise despachar alguma mala no voo, na hora de emissão da passagem, geralmente vale a pena comprar uma tarifa mais cara do que deixar para pagar pela mala separadamente.

No caso da Air Europa, por exemplo, uma passagem de São Paulo a Madri (ida em 7 de março e volta em 14 de março) sai por R$ 2.542 na tarifa Lite, sem direito a bagagem. Caso o passageiro queira incluir uma mala de até 23 kg, terá que pagar mais 200 euros (cem na ida e cem na volta), ou R$ 844. Com isso, o preço total subiria para R$ 3.386. Nessa situação, a melhor solução seria adquirir o bilhete em uma tarifa superior, a Economy. Nas mesmas datas, o valor da passagem é de R$ 2.880, mas já inclui o despacho de até duas malas de até 23 kg.

As regras de bagagem de cada companhia nem sempre são claras no momento da compra da passagem. O consumidor precisa procurar informações nos sites das empresas, numa aérea específica sobre o tema. Além disso, há diversas exceções, de acordo com a origem e o destino.

O blog Todos a Bordo fez um levantamento nas principais companhias nacionais e estrangeiras que fazem voos internacionais a partir do Brasil. Confira as regras de 27 empresas para passagens compradas na classe econômica. As informações foram coletadas em 12 de novembro e estão sujeitas a mudança.

Latam

América do Sul:

  • Tarifas Promo e Light: cobram entre US$ 20 (R$ 75) e US$ 30 (R$ 112), dependendo da rota, para a 1ª mala de até 23 kg
  • Tarifa Plus: dá direito a despachar uma mala de até 23 kg
  • Tarifa Top: dá direito a despachar duas malas de até 23 kg

Caribe:

  • Tarifas Promo, Light e Plus: dão direito a despachar uma mala de até 23 kg
  • Tarifa Top: dá direito a despachar duas malas de até 23 kg

Outros destinos internacionais:

  • Todas as tarifas da classe econômica: dão direito a despachar duas malas de até 23 kg

Gol

Todos os destinos internacionais:

  • Tarifa Light: cobra R$ 50 para compra antecipada do serviço e R$ 100 no aeroporto
  • Tarifa Plus: dá direito a despachar uma mala de até 23 kg
  • Tarifa Premium Economy: dá direito a despachar duas malas de até 23 kg

Avianca

América Latina:

  • Classe econômica: dá direito a despachar uma mala de até 23 kg

Estados Unidos:

  • Classe econômica: dá direito a despachar duas malas de até 23 kg

Azul

América do Sul:

  • Tarifa Azul: cobra US$ 20 (R$ 75) para compra antecipada do serviço e US$ 30 (R$ 112) no aeroporto
  • Tarifa Mais Azul: dá direito a despachar uma mala de até 23 kg

Estados Unidos e Europa:

  • Classe econômica: dá direito a despachar duas malas de até 23 kg

Aerolíneas Argentinas

América do Sul e Europa:

  • Tarifa Economy: dá direito a despachar uma mala de até 23 kg

Estados Unidos, Colômbia e México:

  • Tarifa Economy: dá direito a despachar duas malas de até 23 kg

AeroMexico

  • Classe econômica: dá direito a despachar duas malas de até 23 kg

Air Canada

  • Classe econômica: dá direito a despachar duas malas de até 32 kg

Air Europa

  • Tarifa Lite: cobra cem euros (R$ 422) por mala de até 23 kg
  • Tarifa Economy: dá direito a despachar duas malas de até 23 kg

Air France

  • Tarifas Economy e Premium Economy: dão direito a despachar duas malas de até 23 kg

Alitalia

  • Classe econômica: dá direito a despachar duas malas de até 23 kg

American Airlines

  • Classe econômica: dá direito a despachar duas malas de até 23 kg

British Airways

  • Tarifa Econômica Standard: dá direito a despachar duas malas de até 23 kg

Copa Airlines

América Central e Caribe:

  • Classe econômica: dá direito a despachar uma mala de até 23 kg

América do Norte:

  • Classe econômica: dá direito a despachar duas malas de até 23 kg

Delta Airlines

  • Classe econômica: dá direito a despachar duas malas de até 23 kg

Edelweiss

  • Classe econômica: dá direito a despachar duas malas de até 32 kg

Emirates

  • Classe econômica: dá direito a despachar duas malas de até 23 kg

Iberia

  • Tarifa Basic: cobra 45 euros (R$ 190) para compra antecipada e 50 euros (R$ 211) no aeroporto para a 1ª mala de até 23 kg
  • Tarifas Optimal e Flexible: dão direito a despachar duas malas de até 23 kg

KLM

  • Classe econômica: dá direito a despachar duas malas de até 23 kg

Lufthansa

  • Classe econômica: dá direito a despachar duas malas de até 32 kg

Qatar Airways

  • Classe econômica: dá direito a despachar duas malas de até 23 kg

Royal Air Maroc

  • Classe econômica: dá direito a despachar duas malas de até 32 kg

South African Airways

  • Classe econômica: dá direito a despachar duas malas de até 32 kg

Swiss

  • Classe econômica: dá direito a despachar duas malas de até 32 kg

Taag

  • Classe econômica: dá direito a despachar duas malas de até 23 kg

TAP

  • Tarifa Discount: cobra 70 euros (R$ 296) para compra antecipada do serviço e 85 euros (R$ 359) no check-in
  • Tarifa Basic: dá direito a despachar uma mala de até 23 kg
  • Tarifa Classic: dá direito a despachar duas malas de até 23 kg

Turkish Airlines

  • Classe econômica: dá direito a despachar duas malas de até 32 kg

United Airlines

  • Classe econômica: dá direito a despachar duas malas de até 23 kg

Leia também:

Vasp 169: o dia em que piloto e passageiros dizem ter visto um óvni em voo

Avião Bandeirante, que deu origem à Embraer, completa 50 anos

Só viaja de econômica? Veja mimos das aéreas na executiva e primeira classe

Sobre o blog

Todos a Bordo é o blog de aviação do UOL. Aqui você encontra notícias sobre aviões, helicópteros, viagens, passagens, companhias aéreas e curiosidades sobre a fascinante experiência de voar.