Todos A Bordo

Airbus usa drone para inspecionar avião, e tempo é cortado de 2h para 15min

Todos a Bordo

drone_airbus

Imagem: Divulgação/Airbus

A Airbus e a empresa americana de tecnologia Intel estão testando o uso de drones adaptados para inspecionar possíveis falhas de componentes ou detectar danos em aviões antes de serem entregues aos clientes.

Atualmente, uma vistoria do tipo é feita por funcionários da empresa e leva, em média, 2 horas. Com o drone, o tempo é reduzido para 15 minutos.

As duas empresas adaptaram um AscTec Falcon 8, usado principalmente em levantamentos topográficos. O drone recebeu câmeras capazes de fazer uma série de imagens com uma resolução de 42 megapixels.

Para a tarefa de inspeção, o drone é programado para percorrer uma “rota” predeterminada em torno do avião e tirar uma sequência de fotos da aeronave. A primeira demonstração aconteceu na semana passada, em uma feira de aviação na Inglaterra.

Imagem: Reprodução/Airbus

Imagem: Reprodução/Airbus

Em média, 150 imagens são capturadas e enviadas a um programa de computador que as “encaixa” em um protótipo virtual do avião. Nele, é possível aumentar determinadas áreas para olhar mais de perto possíveis falhas.

Imagem: Reprodução/Airbus

Imagem: Reprodução/Airbus

Segundo a Airbus, o objetivo da nova tecnologia é otimizar o tempo usado para inspecionar os aviões antes de serem entregues aos clientes.

 

Leia também: 

Azul trará para Campinas (SP) simulador de US$ 15 milhões do Airbus A320neo

Com mais de 150 modelos de aviões, Boeing completa 100 anos

Piloto mais jovem do Reino Unido tem 19 anos; isso é possível no Brasil?

‘Hospital’ de avião cuida de nariz quebrado e faz check-up que leva um mês

Conheça seis aviões que pretendem desafiar as gigantes Boeing e Airbus