Todos A Bordo

Aeroporto em Londres cria sala de ioga para passageiros relaxarem

Todos a Bordo

O aeroporto de Gatwick, em Londres, está propondo uma nova maneira de os passageiros relaxarem antes dos voos: uma área reservada para a prática de ioga. Chamado de “floga”, o espaço oferece aulas por meio de um vídeo de 20 minutos.

A gravação foi feita pela personal trainer de celebridades Shona Vertue. Ela afirma ter criado uma sequência com posturas que liberam os músculos mais tensionados durante os voos.

“Eu escolhi posições que lidam especificamente com o estímulo à digestão (que muitas vezes fica inibida devido ao longo período sentado e à desidratação) e à circulação”, ressaltou, em entrevista divulgada pelo aeroporto. A respiração também é um importante foco da atividade.

O uso da sala de ioga é gratuito e o aeroporto – o segundo mais movimentado da Grã-Bretanha – fornece os tapetes para a prática.

A instrutora de ioga diz que as posturas podem ser feitas por qualquer pessoa iniciante na prática (grávidas e quem tiver lesões específicas devem consultar um médico antes de realizar os exercícios).

Richard Dawood, especialista em saúde do viajante do jornal inglês The Telegraph, aprova a iniciativa. “A prática de ioga antes de um voo vai ajudar os passageiros a relaxar a mente e o corpo, transformando o que pode ser uma experiência estressante em uma experiência mais agradável e relaxante”.

A aula de ioga está entre as iniciativas de aeroportos e companhias aéreas para tentar relaxar viajantes que ficam tensos antes de embarcar – especialmente quando enfrentarão voos longos.

A Air Malta oferece massagens gratuitas para quem viaja na classe econômica. A United Airlines já levou cachorros para o aeroporto internacional de Chicago para ‘acalmar’ passageiros.

Leia também: Dicas para (tentar) dormir melhor durante os voos
Manual para enfrentar voos de looonga distância