IPCA
0.19 Jul.2019
Topo
Blog Todos a Bordo

Blog Todos a Bordo

Veja 10 curiosidades do Airbus A380, maior avião de passageiros do mundo

UOL Economia

14/02/2019 17h38

A Airbus anunciou o fim da produção do A380, o maior avião de passageiros do mundo. O modelo é um dos mais emblemáticos da aviação e símbolo de luxo para companhias aéreas, como Emirates e Qatar Airways.

Você sabia que o A380, apesar de sua capacidade, só é o sétimo maior avião em comprimento? Ou que uma revisão completa pode levar mais de 50 dias? Veja algumas curiosidades sobre o modelo que fez história na aviação.

1) Maior avião de passageiros do mundo

Também chamado de superjumbo, o A380 é o único avião com dois andares de assentos. Se fosse configurado apenas com poltronas para a classe econômica, poderia transportar mais de 800 passageiros de uma vez. Como as empresas aéreas preferem dedicar espaços a outras classes (executiva e primeira classe), a capacidade média varia entre 379 e 615 passageiros.

2) 7º maior avião em comprimento

Com 72,7 metros de comprimento, o A380 é apenas o sétimo maior entre todos os que já voaram, incluindo aviões de carga ou que já tiveram a produção encerrada. Quem fica na frent:

  • Antonov AN-225 (84 metros)
  • Boeing 747-8 (76,3 metros)
  • Airbus A340-600 (75,36 metros)
  • Lockheed Martin C-5 Galaxy (75,31 metros)
  • Boeing 777-300 (73,8 metros)
  • Airbus A350-1000 (73,7 metros)

3) Capacidade de 570 toneladas

O A380 também está entre os aviões mais pesados que já voaram, com capacidade para decolar com cerca de 575 toneladas. Somente o Antonov AN-225 supera o Airbus nesse quesito.

4) Primeiro voo comercial em 2007

O superjumbo voou pela primeira vez em abril de 2005, ainda na fase de testes. Seu primeiro voo com passageiros foi em outubro de 2007 pela companhia aérea Singapore Airlines, de Singapura.

5) 234 aviões produzidos

Desde o lançamento, a Airbus recebeu 313 pedidos para o A380, sendo que 234 aviões já foram produzidos e entregues a companhias aéreas. Entre os clientes do superjumbo estão Air France (França), Emirates (Emirados Árabes), Lufthansa (Alemanha), Qantas (Austrália) e Singapore.

6) Trem de pouso tem 22 rodas

O trem de pouso do A380 tem 22 rodas e é dividido em cinco partes, sendo duas abaixo das asas, duas sob a fuselagem e uma no nariz do avião. A troca completa do trem de pouso desse modelo pode demorar até 14 dias.

7) Autonomia para voar 15,2 mil km

O superjumbo pode voar até 15,2 mil quilômetros sem precisar pousar para abastecer. Tem capacidade para 320 mil litros de combustível e voa a uma velocidade de 965 km/h.

8) Revisão demorou 55 dias

A manutenção do primeiro A380 entregue à companhia aérea Emirates levou 55 dias para ser feita. Mais de 1.600 partes foram retiradas do interior do avião, revisadas e, depois, colocadas de volta em seu lugar.

9) 12 horas para lavar

A Emirates usa um processo de lavagem a seco para manter sua frota de A380 limpa. Uma equipe de 15 funcionários demora 12 horas para lavar toda a superfície do avião com um produto específico. Segundo a companhia aérea, cada avião passa por três lavagens durante um ano, e o método de lavagem a seco economiza 11,7 milhões de litros de água anualmente.

10) Nenhum acidente com mortes

Em pouco mais de dez anos transportando passageiros, nunca foi registrado um acidente com mortes com um Airbus A380. No entanto, em 2010, um avião desse modelo da australiana Qantas precisou fazer um pouso de emergência após falha em uma das quatro turbinas. Em 2017, um superjumbo da Emirates quase colidiu no ar com um Airbus A330 da Air Seychelles.

Sobre o blog

Todos a Bordo é o blog de aviação do UOL. Aqui você encontra notícias sobre aviões, helicópteros, viagens, passagens, companhias aéreas e curiosidades sobre a fascinante experiência de voar.

Mais Todos a Bordo