Todos A Bordo

Gol diz que terá TV ao vivo de graça em voos neste ano

Todos a Bordo

Gol diz que terá TV ao vivo de graça em voos a partir de 2018 (Foto: Divulgação)

A Gol deve estrear ainda neste ano, ainda sem uma data exata definida, um sistema de transmissão de TV ao vivo em voo a bordo de seus 120 aviões. O projeto é um aprimoramento do atual sistema de entretenimento já encontrado em alguns aviões da companhia aérea. Atualmente, os passageiros podem assistir a alguns filmes e seriados nos aviões que já contam com wi-fi a bordo. A transmissão acontece por streaming, semelhante à Netlflix.

A transmissão de TV ao vivo utilizará a mesma antena que capta os sinais de internet nos aviões da companhia aérea. A transmissão poderá ser feita nos aviões que contam com sistema de wi-fi. Em média, a cada quatro dias, um novo avião passa a contar com o wi-fi instalado, mas a expectativa é que somente em 2018 a frota completa da empresa esteja com o sistema operando.

VEJA COMO FOI A INSTALAÇÃO DO WI-FI NO AVIÃO DA GOL

A Gol deve fazer também uma parceria com alguma operadora de TV por assinatura para ampliar a quantidade de canais disponíveis a bordo. No entanto, a empresa ainda não revelou qual deve ser a emissora parceira nesse projeto e tampouco quais canais estarão disponíveis aos passageiros.

Apesar de investir em um sistema de entretenimento a bordo, a Gol não irá instalar telas de vídeo nos assentos de seus aviões. Todo o conteúdo será acessado diretamente pelos dispositivos móveis dos próprios passageiros, como smatphones, tablets ou notebooks.

Novas poltronas terão tomadas USB (Foto: Vinícius Casagrande/UOL)

Para evitar que os dispositivos dos passageiros fiquem sem bateria durante o voo, a Gol está instalando tomadas USB nos assentos, que também ganharam novos revestimentos em couro. A expectativa é que até 2018 todos os assentos também já contem com as tomadas instaladas.

Desde a semana passada, a Gol encerrou a fase de teste do sistema de internet a bordo e passou a cobrar pelo acesso ao serviço. No entanto, para assistir aos filmes e séries já disponíveis e, no futuro, a TV ao vivo em voo, a transmissão não terá custos aos passageiros, segundo a empresa.

Gol terá oficina de motores no centro de manutenção de Confins (Foto: Vinícius Casagrande/UOL)

Nova oficina de motores

O trabalho de instalação do sistema nos aviões da Gol está sendo feito nos hangares do centro de manutenção da companhia no aeroporto de Confins, na região metropolitana de Belo Horizonte (MG). O local está passando por uma ampliação com a criação de uma oficina de motores.

Atualmente, quando um motor apresenta algum problema, é necessário que ele seja enviado para uma das três oficinas com as quais a Gol tem contrato de manutenção, que estão localizadas em Hannover, na Alemanha; em Amsterdã, na Holanda; e em Atlanta, nos Estados Unidos.

A nova oficina de motores da Gol vai permitir que a companhia aérea possa fazer alguns reparos mais simples, que não exijam a desmontagem do motor. Além de agilizar o reparo, isso evitará todo o custo de transporte e ociosidade. Caso seja necessário trocar alguma parte maior do motor, o conserto continuará a ser feito pelas oficinas cadastradas no exterior.

Segundo a empresa, para fazer a manutenção completa do motor, seria necessário um investimento muito alto, que não compensaria em virtude do tamanho da frota da Gol. Atualmente, a empresa tem 260 motores, sendo 240 utilizados em seus aviões e mais 20 reservas.

Toda a tinta é retira antes de o avião receber uma nova pintura (Foto: Vinícius Casagrande/UOL)

Com exceção dos motores, todos os outros sistemas do avião são revisados diretamente no centro de manutenção da companhia aérea no aeroporto de Confins. O hangar 1, por exemplo, tem capacidade para receber, simultaneamente, até quatro aviões. Na revisão mais completa, chamada de Check-C, o avião é completamente desmontado para verificar a situação de todos os seus componentes.

O hangar ao lado é dedicado à pintura dos aviões. Depois de retirar toda a tinta antiga, os aviões são novamente pintados com a nova identidade visual da empresa. Para cada avião, são utilizados entre 200 kg e 250 kg de tinta em um trabalho que pode durar até 12 dias.

Um das maiores áreas é dedicada à oficina de rodas, pneus e freios. Por mês, os mecânicos da companhia aérea fazem a substituição e reparo de 850 rodas, pneus e freios dos aviões. Os Boeing 737 da companhia contam com quatro rodas no trem de pouso principal, localizado no centro do avião, e mais duas no trem de pouso do nariz (na parte da frente).

CORREÇÃO: O início da operação do sistema de TV em voos da Gol será ainda neste ano, e não em 2018, como informado na versão original deste post. A Gol não revelou a data exata.

Leia também:

Gol cobrará de R$ 30 a R$ 60 por mala nas passagens nacionais mais baratas

Cobrança por comida em voos da Latam deve começar ainda neste semestre

Empresas europeias falam em passagem aérea grátis. É possível no Brasil?